Conteúdo

Como saber se seu condomínio precisa de um software de gestão?

Muitos síndicos, principalmente os de primeira viagem, encontram grandes desafios para exercer sua função junto ao condomínio que representam.
As demandas contábeis, jurídicas e de mediação dos conflitos entre condôminos costumam ser diversificadas e numerosas. Quando o síndico não exerce essa função profissionalmente, a necessidade de organização e planejamento é ainda maior para não gerar impactos negativos em sua vida profissional e até mesmo na vida familiar. Os avanços tecnológicos têm auxiliado os administradores condominiais, tanto os experientes como os novatos, e o destaque fica a cargo do software de gestão condominial. E você? Já conhece os benefícios que a tecnologia pode trazer para seu condomínio? Acompanhe a seguir!

Conheça as demandas de um síndico

Ser eleito síndico já é um indicativo de que os condôminos confiam em seu potencial administrativo e que você, provavelmente, apresenta características de liderança e de bom relacionamento. Mas você sabe quais são os deveres de um síndico, de acordo com a legislação brasileira?

O Código Civil, em seu artigo 1348, especifica as seguintes competências do síndico: convocar assembleias; representar ativa e passivamente o condomínio; cumprir e fazer cumprir a convenção e o regimento interno; elaborar orçamento de receitas e despesas prestando conta anualmente e quando for solicitado; fazer a cobrança dos inadimplentes e zelar pela prestação de serviços de interesse do condomínio. Um software de gestão condominial pode automatizar o cumprimento dessas exigências, no dia a dia do síndico, além de tornar a comunicação, com os condôminos, mais eficiente e rápida.

Para realizar uma gestão satisfatória, o síndico, além de estar atento às normas legais, deve prestar atenção às necessidades dos condôminos, oferecendo soluções para diminuição de custos e para melhoria da qualidade de vida de todos. A comunicação estabelecida deve ser transparente, evitando conflitos desnecessários.

São alguns dos anseios mais comuns, junto aos condôminos:

1- Controle da inadimplência: garantir que o condomínio cumpra com suas obrigações financeiras e preserve o fundo de reserva;
2- Evitar penalizações legais para o condomínio devido a erros contábeis e legais: conhecimento dos Códigos Civil e de Defesa do Consumidor; Direito Trabalhista; Convenção e Regimento Interno do Condomínio; fiscalização do Corpo de Bombeiro;
3- Orçamento participativo: comunicação clara e objetiva sobre a utilização das taxas condominiais e do fundo de reserva, junto aos condôminos;
4- Minimização de contas inesperadas: o fundo de reserva deve ser utilizado de forma esporádica e reposto imediatamente;
5- Controle da entrada e saída de moradores e visitantes: investimento em segurança e melhor uso de garagens.

Software de gestão: Tenha mais tempo livre!

Um software de gestão condominial pode gerar aumento de produtividade e total controle dos processos administrativos, com informações confiáveis, relatórios e gráficos de qualidade. As principais funcionalidades disponibilizadas são:

1- Previsão orçamentária: histórico de orçamento previsto e realizado, ao longo dos meses; disponibilidade do histórico a partir de custos específicos;
2- Faturamento: Especificação do rateio de contas entre condôminos; resgate de receita dos meses anteriores; controle do consumo de água, energia, gás, com leituras individuais e coletivas; controle de contas parceladas;
3- Contas a recebe: cálculo automático, com correções, para pagamentos antecipados e em atraso; baixa automática de boletos com alerta de pagamento em duplicidade; controle de cobrança de taxas;
4- Contas a pagar: controle e lançamento automático de despesas regulares; emissão de DARFs, GPS, DIRF e informe de rendimentos; controle e impressão de cheques; baixa automática de cheques compensados; programação de pagamentos; lançamento individual de despesas com retenção automática de impostos;
5- Cobranças: histórico de inadimplência; criação de diversos modelos de carta de cobrança; emissão (primeira e segunda vias) de diversos modelos de boleto; emissão de recibo de pagamento; sistema de aviso, individual, de inadimplência para os condôminos; envio de e-mails para diversos tipos de comunicado;
6- Prestação de Contas: diversos modelos de balancete;
7- Outros recursos: relatórios de indicadores de atividade; definição de acesso às informações por grupos (utilização de senhas de acesso); compatibilidade do sistema (importação e exportação) com arquivos do Word e Excel.

Seu condomínio precisa dessas funcionalidades para ter uma gestão mais moderna e eficaz? Aposto que sim! Não perca mais tempo e tenha o seu software de gestão condominial: administração de qualidade ao alcance de suas mãos!

A Group Software, empresa com mais de 20 anos de experiência e líder no mercado de gestão de propriedades, desenvolveu o Portaria21. Trata-se de um software de gestão condominial, a nível contábil e jurídico, que também pode ser integrado a outros sistemas (portaria remota, gestão de funcionários, realização de compras) e aplicativos (como o Papa Filas, que elimina as filas de veículos no acesso ao condomínio). Conheça, agora, essas e muitas outras vantagens do Portaria21! Síndico, modernize a sua gestão e tenha mais tempo livre: sua família e seus condôminos agradecem.

 


Categorias:

Por dentro do mercado

Receba notícias, artigos, e-Books, releases, webinars e as últimas novidades que vão beneficiar - e muito - a sua gestão.