Quanto Ganha um Corretor de Imóveis

Quanto ganha um corretor de imóveis?

O corretor de imóveis é uma função chave em todo o cenário do mercado imobiliário. O texto abaixo esclarecerá todas as suas dúvidas sobre a remuneração dessa função bem como as diferenças entre o corretor autônomo e de imobiliária.
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email
Compartilhar no print

Índice

Se você trabalha, ou pretende trabalhar no mercado imobiliário, então você deve estar totalmente por dentro da profissão de corretor. Isso porque, esta profissão é um importante componente do processo de negociação e fechamento de contratos no mercado em questão.

Pensando nisso, o texto a seguir aborda tudo o que você precisa saber sobre a parte mais importante deste cargo, sua forma de remuneração. Sendo assim, serão esclarecidas dúvidas, seja você o gestor de uma imobiliária, corretor (autônomo ou de imobiliária) ou, até mesmo, um interessado em ingressar neste mercado.

Formas de ganho do corretor de imóveis

Geralmente o corretor de imóveis não tem um salário fixo. Contudo, há algumas imobiliárias que os contrata pelo Regime de CLT, pagando um salário fixo e comissões, mas via de regra o trabalho do corretor é comissionado. Ou seja, quanto mais contratos de locação ou venda ele fechar, mais ganhos terá. 

Dentre as muitas atividades que podem trazer um retorno financeiro ao corretor de imóveis, as duas principais são a venda e a locação de imóveis.

As duas formas estão previstas na lei e há uma tabela que informa quais são os honorários mínimos para cada transação imobiliária. Essa tabela foi aprovada em 2008 e mostra claramente qual valor o corretor irá receber. É claro que o corretor pode negociar essa comissão caso deseje.

Vale lembrar que existem práticas para o corretor comprovar o seu trabalho, garantindo sua remuneração e evitando calotes. Sendo assim, é importante apontar a principal dessas práticas, a ficha de visita de imóvel que é indispensável para o trabalho de corretor.

Comissão sobre vendas e locação de imóveis

A comissão de venda segundo a tabela mínima de honorários é a mais praticada no mercado e prevê um comissionamento de no mínimo 6% sobre o valor que o imóvel for vendido.

Dessa forma, , se um Corretor vender um imóvel de R$200.000 com a comissão de 6% ele ganhará R$ 12.000.

A comissão para Locação é o valor de um aluguel e, geralmente, é pago logo no primeiro mês após a locação do imóvel. Já para a administração da locação é cobrado entre 5% à 10% do valor do aluguel mensalmente.

Se um Corretor alugar um imóvel de R$2.000, ele irá ganhar um aluguel de comissão pelas visitas, contrato e divulgação do imóvel. Caso ele administre essa locação, ganhará até 10% (R$ 200,00) do valor do aluguel mensalmente para enviar boletos, repassar o recebimento ao proprietário, intermediar conflitos na locação etc.

Se um Corretor alugar um imóvel de R$2.000, ele irá ganhar um aluguel de comissão pelas visitas, contrato e divulgação do imóvel. Caso ele administre essa locação, ganhará até 10% (R$ 200,00) do valor do aluguel mensalmente para enviar boletos, repassar o recebimento ao proprietário, intermediar conflitos na locação etc.

Qual a diferença do valor da comissão para corretor autônomo e corretor de imobiliária?

Todos esses valores de comissão que mencionamos podem ser ganhos de forma integral ou parcial. Como assim?

Primeiro devemos entender que existem duas formas de trabalho para o Corretor de Imóveis: 

  • Corretor autônomo;
  • Trabalhar para uma Imobiliária ou Incorporadora imobiliária. 

Há grandes diferenças entre as duas, mas vamos falar sobre o comissionamento.

Corretor autônomo

Um Corretor Autônomo irá trabalhar sozinho, sem um chefe, terá seu próprio site, local de trabalho e horários. Ele mesmo irá captar e vender os imóveis.

Portanto, o recebimento da comissão, seja ela provinda de venda ou locação, caberá integralmente a ele. Com isso, o corretor autônomo ganhará em caso de venda  6 % do valor do imóvel. Em caso de locação, receberá o valor integral do primeiro aluguel e nos meses seguintes os 10% referentes à sua administração.

Como corretor de imobiliária

Já um Corretor que trabalha para uma imobiliária não poderá ganhar a comissão de forma integral, afinal a rotina imobiliária tem custos e também precisa lucrar. A comissão praticada no mercado geralmente é 1,2% para o corretor que capta o imóvel e 1,2% para o Corretor que vende. Há imobiliárias que pagam mais e outras menos, mas a média é essa.

Se o Corretor conseguir vender um imóvel que ele mesmo captou, ele receberá 1,2% pela captação e 1,2% pela venda, tendo a comissão de 2,4% sobre o valor total da venda.

Qual é a melhor opção: corretor autônomo ou de imobiliária? 

Vimos que há uma grande diferença nos valores de comissão para corretor autônomo e o corretor de imobiliária.

Embora o corretor autônomo ganhe mais, ele também tem maiores riscos e, até mesmo, maiores custos.

Por exemplo, quando o corretor trabalha para uma imobiliária ele não tem custos fixos altos, como marketing, sistema de gestão, publicidade, contabilidade, gestão financeira, linhas telefônicas, aluguel etc. O corretor recebe os possíveis clientes e os atende sem custo algum, por isso ganha menos.

Já o corretor autônomo assume todos estes custos e ainda precisa competir com as grandes imobiliárias. Por esse motivo, ele ganha mais.

Dessa maneira, ao analisar qual a melhor opção de carreira para você é  preciso avaliar as vantagens e desvantagens de cada opção. 

Você quer ganhar melhor? Então deve saber que precisará se arriscar mais no mercado. Agora, se você deseja ter segurança financeira precisa saber que poderá estar ganhando menos.

Design sem nome 7Powered by Rock Convert

Parceria na hora da venda

A parceria na venda de imóveis é muito comum no Mercado Imobiliário. Essa forma de parceria nada mais é que um corretor ter um comprador e outro corretor ter um imóvel que é do perfil do comprador. Os Corretores, então, fazem uma parceria de que na venda do imóvel cada um ficará com metade da comissão.

No caso dos Corretores Autônomos a parceria é muito viável, pois cada um ficará com 3% de comissão. Em um imóvel de R$100.000 cada um terá de comissão R$ 3.000.

Já no caso de Corretores de Imobiliárias a parceria nem sempre é tão atrativa. Vejamos, neste exemplo acima, se de um lado um corretor fosse autônomo e,do outro um corretor fosse de imobiliária, o autônomo ficaria com R$ 3.000 de comissão, já o de imobiliária teria que dividir o seus 3% com a Imobiliária no qual trabalha, sendo assim, ele ficaria com apenas 1,2% de comissão sobre a venda, R$ 1.200.

Por isso, muitas vezes o Corretor de Imobiliária prefere trabalhar com imóveis de maior valor, pois quanto maior o valor do imóvel maior será a comissão.

O que o corretor pode fazer para ganhar mais? 

Há formas do Corretor aumentar seus ganhos.

Pensando nisso, para o corretor autônomo que está começando ou que não está vivendo um bom momento de  vendas , uma alternativa é trabalhar com a locação. Pois ao trabalhar com a locação de imóveis, além de receber o primeiro aluguel, o corretor pode administrar e ganhar os 10% de comissão, gerando uma receita fixa para seu caixa. Dessa forma, ele pode usar essa receita fixa para pagar as despesas da imobiliária e até mesmo investir em marketing e propaganda para captar e vender seus imóveis.

Outra dica tanto para corretor autônomo como de imobiliária é avaliar quais são os imóveis mais procurados regularmente. Um erro do Corretor é pensar que deve somente captar imóveis de valores maiores, pois a comissão é maior. 

Na verdade, o corretor deve avaliar se, na sua região de atuação, o público é composto por pessoas de alto ou baixo poder aquisitivo Isso porque, caso ele esteja captando imóveis fora do padrão dos compradores da região ele certamente estará perdendo tempo.

Ele poderá até realizar a venda, mas levará tempo. Uma alternativa é entender o público da região e avaliar imóveis de menor valor para serem ofertados, mas que em quantidade acabam sendo muito rentáveis.

Por exemplo, quanto tempo levará para um imóvel de R$500.000 ser vendido? Será que 5 imóveis de R$ 100.000 não venderão muito mais rápido? Ambos darão a mesma comissão ao Corretor, mas podem ser comercializados de forma bem mais rápida.

Então, quanto ganha um corretor de imóveis? 

O Corretor de Imóveis vai ganhar pelos contratos que ele fecha. Por isso, por mais que existam pessoas que tentem prever ou fazer um média da renda de um corretor, ela sempre vai variar.

Além da venda e locação, o Corretor pode trabalhar com:

Vale lembrar que o corretor paga impostos sobre sua comissão, sendo assim é muito importante  avaliar quanto ele receberá realmente ao realizar uma venda ou locação.

A função do corretor é importantíssima para o processo de venda ou locação de imóveis. Aliado à essa função, outro processo indispensável é a vistoria de imóveis. 

Pensando nisso, separamos no banner abaixo um conteúdo sobre como a tecnologia pode ser sua aliada nas vistorias de imóveis.

 

cta padro 16Powered by Rock Convert

Receba conteúdos em seu e-mail